4 dicas para estudar exatas sem traumas

Estudar exatas é um pesadelo para muitas pessoas, sobretudo àquelas que não têm afinidade com os números. Entretanto, deixar essas matérias de lado não é uma opção. Afinal, para prestar vestibular, concurso ou Enem deve-se tê-las no cronograma.
Mas o que fazer para se dar bem no estudo de matemática, física, química e disciplinas correlatas? Bom, elaboramos tópicos que podem te ajudar nesse sentido. Que tal conferir?
1 – Tenha ao menos uma boa base no assunto
Não comece pelo mais difícil. Caso você se enquadre no nível ‘iniciante’ em exatas volte algumas casas e estude a base da matéria. É um erro dar um passo maior que a perna no estudo de matemática e demais disciplinas, pois confunde a cabeça e certamente não traz bons resultados.
Aprenda os principais conceitos, as fórmulas básicas e faça muitos exercícios fáceis. Vá aumentando gradativamente o grau de dificuldade conforme você for aprendendo de fato. Você verá que aprendendo o trivial, ficará mais simples captar conteúdos mais complexos posteriormente.
2 – Saiba que errar faz parte do processo
Muitos estudantes pegam trauma, raiva ou simplesmente desistem de estudar exatas após uma série de erros. Mas conforme falamos no início do artigo, deixar essas matérias de lado não pode ser considerado algo viável. Afinal, elas estarão na prova do mesmo jeito.

Sendo assim, a saída é entender que as falhas fazem parte do processo da aprendizagem. E mais: é a partir delas que você irá aprender de fato a matéria em questão.
3 – Pratique constantemente em muitos exercícios
O estudo de matérias de exatas só acontece com efeitos positivos caso haja repetição. Caso você estude por um tempo e depois pare, pode ter certeza que no dia da prova nem saberá do que se trata a questão.
Desse modo, o conselho nesse sentido é praticar com constância em exercícios – e isso de todos os níveis. Busque a base, aumente a dificuldade e mantenha a frequência para ter sempre esse conteúdo gravado em sua mente.
Além disso, é importante corrigir os exercícios e ver as respostas corretas. Procure questões de concursos de sua banca ou vestibulares anteriores para resolver e aprender.

Fonte: Noticias Concursos