Rio Tietê: Entenda a importância desse rio

O Rio Tietê é um dos principais rios do Sudeste brasileiro. Nasce a 840 metros de altitude em Salesópolis no estado de São Paulo, que fica na região da Serra do Mar.
Daí em diante, atravessa o estado de São Paulo seguindo a direção de leste a oeste. Ademais, ele acaba desaguando no rio Paraná, na cidade de Itapura, entre São Paulo e Mato Grosso do Sul.
Rios importantes do país podem aparecer em provas de vestibulares de todo Brasil, assim como no Enem. Por isso vale a pena ficar ligado no assunto, acompanhe!
Rio Tietê: Dados e Características
O Rio Tietê possui um pouco mais de 1.100 quilômetros de extensão e durante seu trajeto banha 62 municípios de São Paulo. A saber, seu nome tem origem indígena e significa “caudal volumoso”.
Desse modo, acaba fazendo parte de seis sub-bacias hidrográficas, são elas:
Alto do Tietê
Piracicaba
Sorocaba/médio
Tietê/Jacaré
Tietê/Batalha
Baixo Tietê
Além disso, explora-se o potencial hidrelétrico do rio na atualidade. No percurso, encontram-se várias barragens, sendo as principais:

 

Edgard de Souza
Pirapora do Bom Jesus
Laras
Anhembi
Barra Bonita
Ibitinga
Três irmãos
Promissão
Alguns dados hidrográficos importantes do rio:
História e Poluição
O Rio Tietê tem enorme importância na história do Brasil, afinal serviu como rota para os bandeirantes no século XVIII. Eles usaram o Tietê para adentrar o interior brasileiro, fundando várias cidades.
A partir daí, o rio passou a ser utilizado para navegação e prática de esportes náuticos, sobretudo nas regiões metropolitanas de São Paulo, contudo, nos anos 50 o cenário mudou drasticamente.
Além disso, por conta do crescimento populacional e industrial da cidade de São Paulo, o rio passou a ser poluído com esgoto doméstico e industrial , contaminando severamente o rio.
A despoluição do Rio Tietê é pauta de todos os governantes, no entanto até o presente momento o rio encontra-se na mesma situação.
Enchentes
Uma das principais vias da cidade de São Paulo, a marginal Tietê fica localizada às margens do rio. E todos os anos os paulistanos sofrem com as enchentes, sobretudo na época do verão onde as chuvas são constantes.
As enchentes deixam o trânsito na cidade caótico, assim como inundam casas, estabelecimentos comerciais. Além disso, devido às águas poluídas elas levam doenças para a população como:
Leptospirose
Tifo
Diarreia
Entre outras

Fonte: Noticias Concursos